Seja muito bem vindo(a) a AMAM  - 
 
 
 
 NOTÍCIAS
10/10/2018
Variados
ASSOCIAÇÃO DE TURISMO DO MARAJÓ - ATM APOSTA NAS BELEZAS NATURAIS.
 

 O arquipélago do Marajó possui belezas distintas como as densas florestas, os campos intermináveis, as diferentes praias, rios e igarapés, com uma imensa diversidade de espécies animais e botânicas.

Todos os municípios têm forte potencial turístico, porém falta organização e programas para atrair os turistas.

A fim de sanar essa deficiência, a Associação de Turismo do Marajó buscou, junto ao Ministério do Turismo por meio da Secretaria de Turismo do Estado e nas experiências de polos turísticos, uma receita que possa alavancar o turismo receptivo da ilha, gerando riquezas para a região.

O presidente da Associação de Turismo, Aniello “Nello” Gentile, empresário do setor hoteleiro em Soure e apaixonado pelo Marajó, adotou um modelo de boas práticas que promete funcionar.

As secretarias municiais de turismo devem identificar na comunidade quem cozinhe bem; quem possa oferecer abrigo confortável; quem possa transportar passageiros do desembarque até as residências e outro que receba bem os turistas na chegada e alguém que tenha um perfil de guia, e queira valorizar o atrativo natural local.

Mesmo que a cidade não conte com pousadas ou hotéis suficientes, através do fomento das Secretarias de Turismo, parte da população pode atuar no setor desde que devidamente oficializado no Cadastur, que passará a dar todo suporte ao empreendedorismo, além de linha de crédito para ela desenvolver suas atividades com mais qualidade e melhores serviços.

O presidente da ATM, atenta para que os atores se organizem a fim de crescer e expandir seus negócios visto que o Estado tem feito sua parte divulgando o Pará no Brasil e exterior, atraindo investimentos e em logística de transporte, qualificação profissional e criando roteiros de apelo turístico que têm contribuído para ampliar o turismo.

" O Ministério do Turismo conseguiu junto ao BNDES a linha de credito PRODETUR MAIS para essas atividades voltadas para o fortalecimento do turismo em municípios do interior, tanto para o setor público tanto para o privado, mas é preciso que para o setor público os Conselhos Municipais de Turismo estejam ativos, e para o privado, o interessado tenha cadastro no Cadastur e esteja legalizado", adianta Nello.

Como representante do setor de turismo no Conselho da Reserva Extrativista de Soure e região, o empresário defende as boas relações entre as partes para que o turista possa gozar dessas belezas como acontece em Fernando de Noronha, na floresta de Carajás, em Parauapebas e tantas outras onde o convívio é pacífico e ecologicamente correto.

"Vemos o turismo numa ótica de 360º onde todos os setores se beneficiam e o turismo passa a ser um elemento agregador, gerador de riquezas, cria consciência ambiental e traz uma realidade melhor para todos... Queremos oferecer experiências personalizada e uma gastronomia de primeira com os produtos regionais como o Queijo do Marajó que é nosso carro chefe e o exótico molusco do mangue alias Turu", enfatiza Nello.

Comunicação/AMAM
 
  
 
« Voltar
 
 
Oeiras do Pará
 
Desenvolvido por:
Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó
End: Travessa 3 de maio, 2389
Cremação - Telefone: (91) 3213-8000